HOME O PROGRAMA QUALIDADE DE VIDA MINHA SAÚDE PERGUNTE AO ESPECIALISTA LOCALIZADOR DE FARMÁCIAS PERGUNTAS E RESPOSTAS   COMPARTILHE          
  LOGIN | CADASTRO

18/04/2022

O impetigo é uma doença infecciosa causada, na maioria das vezes, pelas bactérias Staphylococcus aureus ou Streptococcus. A infecção se manifesta na pele, geralmente não é grave, mas é muito contagiosa. É comum se desenvolver em crianças entre 2 e 6 anos e tem tratamento.1-3

As crianças mais velhas e os adultos também podem contrair impetigo. Por se tratar de uma infecção, as bactérias podem se aproveitar de pequenos traumas na pele, como machucados e picadas de inseto, para infectar a pessoa. A infecção também pode ocorrer sem lesão cutânea prévia.2,4

Dentre os fatores preestabelecidos para o desenvolvimento do quadro, a falta de higiene pode ser um dos fatores predisponentes.4

Existem dois tipos de impetigo: o bolhoso e o não-bolhoso. A forma não-bolhosa é a mais comum e apresenta-se com lesões que se iniciam avermelhadas com algumas feridas, que evoluem para placas com crostas amareladas.4

Já o impetigo bolhoso se manifesta com bolhas  que podem aparecer no pescoço, tronco, axilas ou virilha.1,4

Ao suspeitar que você ou seu filho possam ter impetigo, procure uma orientação médica. Para isso, entenda quais são os principais sinais e sintomas da doença.3

Quais os principais sintomas do impetigo?

As primeiras manifestações do impetigo podem ser feridas ou bolhas vermelhas no corpo. Além disso, logo em seguida elas estouram e deixam manchas e/ou feridas marrom-douradas e endurecidas.1

As lesões do impetigo ainda podem:

  • coçar;
  • ficar maiores;
  • ficarem doloridas;
  • espalhar para outras partes do corpo.1

É importante ressaltar que não é necessário esperar até que as lesões se agravem para buscar orientação médica, portanto, atente-se aos sinais e sintomas. Eles podem se agravar da seguinte forma:

  • erupção que se espalha;
  • caroços (ínguas) perto da área infectada;
  • lesões de pele (feridas) nos lábios, nariz, orelhas, braços e pernas;
  • bolhas com coceira contendo líquido que vaza e forma uma crosta;
  • uma ou mais bolhas cheias de pus que estouram facilmente, deixando a pele vermelha e em carne viva.2

O impetigo é uma doença contagiosa. É muito importante procurar pelo médico para o diagnóstico correto e início do tratamento.

   impetigo em crianças, tipos de impetigo

Como se prevenir do impetigo?

O impetigo é uma doença contagiosa e é muito importante procurar pelo médico para o diagnóstico correto e início do tratamento. Essa medida pode evitar que a doença se espalhe pelo corpo e para outras pessoas.1,2

Além disso, existem alguns cuidados básicos que podem ser feitos no dia a dia para manter as lesões higienizadas. São elas:

  • lavar as mãos;
  • manter as unhas cortadas e limpas;
  • manter a área infectada limpa e protegida;
  • a pessoa infectada deve ficar em casa até receber alta;
  • roupas, lençóis e toalhas não devem ser compartilhados.3

Siga os cuidados indicados pelo seu médico para se recuperar. Para saber mais sobre o impetigo e outras doenças, acesse os conteúdos do blog do Viver Mais.

NP-BR-CLB-PSP-220002

  1. NHS. Impetigo. Disponível em: <https://www.nhs.uk/conditions/impetigo/>. Acesso em 17 mar. de 2022.
  2. Cleveland Clinic. Impetigo. Disponível em: <https://my.clevelandclinic.org/health/diseases/15134-impetigo>. Acesso em 17 mar. de 2022.
  3. Mayo Clinic. Impetigo. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/impetigo/symptoms-causes/syc-20352352>. Acesso em 17 mar. de 2022.
  4. SOCIEDADE BRASILEIRA DE DERMATOLOGIA SEÇÃO RS. Impetigo. Disponível em: <https://sbdrs.org.br/palavra-do-dermato-impetigo/>. Acesso em 17 mar. de 2022.
ANTERIOR
Como viver bem com DPOC?
PRÓXIMO
Foliculite e furunculose: causas, diferenças e prevenção
COMPARTILHE